Creating A Patch/pt

From Free Pascal wiki
Jump to: navigation, search

Deutsch (de) English (en) español (es) français (fr) 日本語 (ja) português (pt) русский (ru) slovenčina (sk)

Instruções

Assume-se que você baixou o Lazarus via SVN Getting Lazarus Via SVN

Abra o prompt de comando ou "prompt cmd" e mude, utilizando o comando cd, para o diretório onde estão os fontes do Lazarus.

Instruções para Windows:

Vamos assumir que você tem uma versão SVN atualizada do Lazarus em C:\lazarus

  1. Abra um prompt do MS-DOS
  2. c: {pressione enter}
  3. cd \lazarus {pressione enter}
  4. svn diff > meu_path.diff {pressione enter}

Nota: Se está usando TortoiseSVN, o usuário pode serlecionar o diretório onde o lazarus está atualizado pelo Windows Explorer, mostrar o menu de contexto - usando o botão direito do mouse - e selecionar TortoiseSVN -> Create Patch...

Instruções Para Linux/BSD etc:

Vamos assumir que você tem uma versão SVN atualizada do Lazarus em $HOME/lazarus

  1. Abra seu programa de Terminal favorito
  2. cd $HOME {pressione enter}
  3. cd lazarus {pressione enter}
  4. svn diff > meu_path.diff {pressione enter}


Nota: Eu também gosto de verificar o arquivo completo para ver se não tem nada lá que não deveria estar lá..

A forma recomendada para enviar o patch é através do bug tracker. Se existe um relatório enviado para o bug que o seu patch corrige, use ele, caso contrário crie um novo relato. Faça upload do arquivo para anexá-lo ao relato.

Como alternativa, você pode comprimir (com zip ou gzip) o arquivo que você criou e mandar por email para a lista de e-mail do Lazarus (limite de 40 kB) ou para a caixa de e-mail para patchs patch@lazarus.dommelstein.net. Quando enviar patches para a caixa de e-mail, certifique-se que no assunto comtém pelo menos uma palavra "patch", não necessariamente com as aspas.

Isso é tudo!

Problemas

Isso aplica-se geralmente ao Windows mas pode ser aplicável em outras plataformas também.

Você recebe o erro "svn command not found" ou similar É provável que você não tenha o caminho do arquivo svn.exe na variável PATH do sistema. As etapas a seguir devem solucionar o problema:

  1. Localize o arquivo snv.exe usando o menu "Pesquisar -> Arquivos e Pastas" do menu Iniciar.
  2. Uma vez localizado o arquivo snv.exe você precisa adicionar o diretório dele na variável PATH do sistema.

Como por exemplo: apartir do prompt de comando digite:

  set PATH=%PATH%;"C:\Arquivos de Programas\TortoiseSVN\"

Nota: O diretório onde está o svn.exe pode não ser o mesmo do computador usado nesse documento. Esse diretório foi usado apenas como exemplo.

Os passos a seguir são opcionais:

Para tornar a alteração permanente

No Windows98 ou anteriores, você pode adicionar a linha acima (ou similar) ao seu arquivo C:\autoexec.bat próximo ao fim do arquivo.

No Windows 2000 ou posteriores, você pode adicionar esse diretório na variável PATH assim:

  1. Clique com o botão direito em "Meu Computador"
  2. Selecione "Propriedades"
  3. Escolha a guia/aba "Avançado"
  4. Clique no botão "Variáveis de ambiente"
  5. Localize a linha "Path" em "Variáveis de ambiente" e adicione: ;"C:\Arquivos de Programas\TortoiseSVN\" no final dela.

Nota: O diretório onde está o svn.exe pode não ser o mesmo do computador usado nesse documento. Esse diretório foi usado apenas como exemplo.

Aplicando um patch

Aplicar um patch é simples. Você pode testar o patch usando o parâmetro --dry-run dessa forma:

  patch --dry-run < mypatch.diff

A saída do programa "patch" será identica ao patch atual, apenas se ele não alterar os arquivos fontes. Isso é muito útil para testes, visto que dispensa a necessidade de escrever no código fonte.

Para aplicar finalmente o patch, você usa a seguinte linha de comando:

  patch < mypatch.diff

Ou, para arrumar separadores:

  patch -p0 < mypatch.diff